16º Festival de Inverno de Bonito Chega ao Fim

Durante quatro dias Bonito foi tomado por algo maravilhoso que contagiou bonitenses e visitantes, a musica, a poesia, as oficinas e as artes plásticas tomaram conta de um ambiente com um público diversificado, que se encarregou de trazer algo muito importante e especial para a praça, a alegria o entusiasmo e o amor pela arte.

Contrariando alguns “pessimistas”, que diziam que este seria o pior dos festivais, o Governo do Estado de MS, juntamente com a Prefeitura Municipal de Bonito, e vários outros colaboradores tornou realidade aquilo que para muitos parecia impossível.

O 16º Festival de Inverno de Bonito chegou com uma estrutura simples comparada as anteriores, porém a qualidade o profissionalismo e a competência de todos os envolvidos o tornaram em um dos melhores, se não o melhor já realizado.

Um palco foi montado na Praça da Liberdade com uma estrutura de som e iluminação com qualidade de ponta, várias autoridades políticas, e artistas estaduais e nacionais, passaram por ele elogiaram a perfeição de tudo. Quinta-feira dia (30) aconteceu à solenidade de abertura e contou com a presença do Governador do Estado Reinaldo Azambuja, do Prefeito Municipal Leonel Lemos de Souza Brito, “Leleco”, e do Vice-Prefeito Josmail Rodrigues além de vários Deputados (as), Estaduais e Federais.

Em seguida subiu ao palco uma das homenageadas da noite, Delina Pereira Gonsalves, carinhosamente conhecida como “Delinha”, a dama da música sul mato-grossense, que cantou alguns de seus maiores sucessos, logo após o cantor Almir Sater entrou em sena e comandou o show, o público presente cantou suas músicas e o aplaudiu.

Almir Sater deixou o caminho aberto para que seus amigos Sergio Reis e Renato Teixeira finalizassem a primeira noite, e consagrar a partir de então o festival como um dos melhores já ocorridos no município.

Isso foi só na primeira noite, por que na segunda os artistas locais do grupo Kuery Porã, abriram os trabalhos cantando clássicos sul-mato-grossenses e fronteiriços. Quem também cantou e encantou foi à dupla Patrícia e Adriana que como sempre arrasaram, tocando o melhor da música sertaneja, e para encerrar a noite com chave de ouro, subiu ao palco o grupo Chalana de Prata, tocando muita polca paraguaia e chamamé.

Sábado dia (01), foi um dia especial para o cantor bonitense Kalu, que lançou o seu primeiro DVD, com um show impecável e com uma qualidade impar, kalu subiu ao palco e contagiou a galera presente na praça, tocando músicas de composição própria.

E a noite estava só começando porque logo após foi a vez banda Chá Nóise tocando muito reggae, rap e hip hop, logo depois a banda curumim de SP fez um som diferente e contagiante. E para finaliza a terceira noite do festival a animação ficou por conta do cantor maranhense “Zeca Baleiro”, que cantou sucessos conhecidos em todo o Brasil.

Domingo dia (02), ultimo dia de festa foi marcado por um espetáculo envolvente, espetáculo “Crianceiras”, comandado pelo músico Márcio de Camilo, centenas de pessoas compareceram para participar, e aplaudiram de pé.

O 16º Festival de Inverno de Bonito chegou ao fim, deixando saudades, pois foram quatro dias de muita emoção e alegria, uma coisa é certa, quem foi não se esquecerá do primeiro festival aberto ao público, fica a expectativa para 2016 e a certeza de que será melhor do que o que passou.

Parabéns a todos os envolvidos, ao Governo do Estado a Prefeitura Municipal de Bonito, e principalmente ao você que compareceu e aproveitou essa festa.