SEMA fiscalizará descarte adequado de carne pelos açougues

Produtos devem ser armazenados em câmara fria e depois entregues a empresas especializadas.

25/01/2018 08h58 - Por: Assessoria de Comunicação

 

No mês de janeiro a equipe da Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Bonito (SEMA) visitou 25 estabelecimentos comerciais que possuem (ou são) açougue, incluindo os supermercados.

Na ocasião a secretaria entregou oficios com conteúdo explicativo sobre a Lei Federal Nº 12.305, datada de 2 de agosto de 2010, que institui a Política Nacional de Resíduos Sólidos, a qual determina que os resíduos de açougue (incluindo ossos e restos de limpeza, tais como o sebo) não podem ser descartados de maneira inadequada.

Também foi informado que a Prefeitura Municipal só concederá os alvarás referentes a 2018 aos estabelecimentos que comprovarem que os resíduos estão sendo entregues para empresas especializadas.

"Estamos falando de produtos do dia, armazenados em câmara fria, que são utilizados para a fabricação de farinha de osso e outros derivados. Carne estragada não serve", afirmou o secretário municipal de Meio Ambiente, Alexandre Ferro, lembrando que o descarte incorreto dos resíduos pode prejudicar seriamente o meio ambiente, contaminando os rios e o solo.