Plenária Territorial de Desenvolvimento Rural Sustentável Território da Cidadania da Reforma

19/08/2013 15h59 - Atualizado em 19/08/2013 15h59
Por: Seprodes
 

No dia 07/08/2013 na cidade de Anastácio/MS o Secretário de Produção juntamente com os representantes dos assentamentos, AGRAER, Colônia dos Pescadores do Águas do Miranda e Vereador representando a câmara municipal de vereadores participaram da Plenária Territorial de Desenvolvimento Rural Sustentável e Território da Cidadania da Reforma/MS.
• João Ubaldo de Andrade – Secretário de Produção e Desenvolvimento Rural
• Pedro Jovem – Vereador de Bonito/MS
• Lucimara – Colônia dos Pescadores do Águas do Miranda
• Paulo – Engenheiro Agrônomo da AGRAER Bonito/MS
• Beto – Bonileite
• Nadir – Presidente do Assentamento Guaicurus
• Cacilda – Presidente do Assentamento Pé de Cedro
• Ivano – Vice Presidente do Assentamento Girassol
• Ramão – Presidente do Assentamento Santa Lúcia
Onde foram acordados os seguintes assuntos:
1) Construção de Política de reflorestamento para agricultura familiar.
2) Implantação de Políticas de conservação de solo e águas.
3) Incentivar o não desmatamento e/ou reflorestamento no cerrado.
4) Incentivo ao destino correto do lixo nas propriedades rurais de base familiar.
5) Desburocratização das informações e acesso ao crédito rural para as atividades produtivas diversificadas.
6) Incentivar a Infra-Estrutura , implantação e produção na atividade psicula com condição de assistência.
7) Implantar consórcios de estruturação de cadeias produtivas, através do território – SIM – SUASA – SISB.
8) Aderir e incentivar a criação de projetos viáveis econômicos e socialmente, priorizando jovens e mulheres.
9) Facilitar as informações para o pequeno produtor adquirir o DAP.
10) Garantir transporte da produção de forma que contemple a qualidade do produto.
11) Ampliar a criação de feiras do produtor e ampliar o valor limite por DAP,comercialização do PAA.
12) Agro ecologia Agricultura Familiar, Agro florestais Extrativistas:
- Frutas do Cerrado
- Castanhas
- Pequi
Possibilitar a qualificação dos produtos para o beneficiamento dos frutos do cerrado.
- Incentivar a implantação de agro florestas de forma agro ecológicas.
- Incentivar a diversidade nas propriedades rurais sustentáveis.
13) Criar grupos de produtores para produzir e comercializar dentro da rede de economia solidária com implantação de agro indústrias.

Obs: Todas as propostas aqui citadas serão encaminhadas para o encontro territorial de desenvolvimento rural sustentável MS até os dias 31/08/2013 á 01/09/2013, onde serão sorteados ou indicados os delegados para estarem participando do encontro nacional em Brasília/DF.